Agronomia

Duração do Curso: 10 semestres

Grau Acadêmico: bacharelado

Período/Vagas para 2020: manhã/40

Ano de Reconhecimento: desde 1984

Renovação de Reconhecimento: Portaria CEE/GP nº 204/15 de 20/05/15

Vídeo 35 anos do Departamento: http://youtu.be/cq-26Pu6kBQ

APRESENTAÇÃO

O curso de Agronomia objetiva a formação do Engenheiro Agrônomo, seguro e apto à concepção, à execução e à adaptação de técnicas agrosilvipastoris, para o manejo de ecossistemas destinados à produção de alimentos, com domínio dos métodos dos processos de beneficiamento e de comercialização de produtos de origem vegetal e animal.
O curso de Agronomia da UNITAU forma engenheiros agrônomos habilitados a atuarem no mercado de agronegócios. Do cultivo de plantas medicinais a estudos de melhoramento genético vegetal, o aluno tem contato com uma grade curricular atenta às necessidades da sociedade contemporânea. Em dez semestres de graduação, o aluno aprende a usar a tecnologia com vistas a aumentar a produtividade na agricultura e a fazer uso de técnicas modernas para a criação de animais. Confira o Projeto Pedagógico aqui

Os objetivos do curso são: oferecer conteúdos programáticos que enfatizem os aspectos de relevância no exercício profissional, garantindo uma sólida fundamentação básica; estimular o aprendizado pela busca do conhecimento, orientando o acadêmico para o exercício profissional; incentivar a iniciação científica, permitindo ao aluno alinhar as atividades de campo com a pesquisa científica bem como exercitar a redação técnico-científica de forma sistematizada; disponibilizar cursos de extensão universitária para o enriquecimento curricular dos alunos da graduação em Agronomia.

TEORIA

Uma vivência agronômica apurada é proporcionada por conta de parcerias, como a do Instituto Nacional de Meteorologia (InMet), que permite aos graduandos estudar dados climáticos coletados com o fim de compor, diariamente, a previsão do tempo.

PRÁTICA

Além de 12 laboratórios de Ciências Agrárias, uma fazenda piloto de 25 hectares possibilita a experiência rotineira com o cultivo de hortaliças, de frutas e de grãos, ao mesmo tempo em que se desenvolvem atividades de apicultura, de avicultura, de minhocultura e de administração rural.

EMPRESA JÚNIOR

Para aproximar ainda mais os estudantes do cotidiano da profissão e para complementar o que o aluno aprende em sala de aula, a Universidade lançou, em 2013, a Agrotau Jr., empresa formada por estudantes do curso de Agronomia e supervisionada pelos professores do Departamento de Ciências Agrárias.
Saiba mais

PERFIL

O Engenheiro Agrônomo formado pela UNITAU deverá possuir sólida formação básica, científica e tecnológica, com visão global dos sistemas agropecuários, agroindustrial e agroecológico. O profissional deverá ser capaz de oferecer soluções técnicas para os problemas que afetam a produção agroindustrial das cooperativas e outros estabelecimentos agrícolas, independente do porte do agricultor. O Engenheiro Agrônomo deverá ser um profissional, com senso ético, capacitado para o trabalho em grupo e estar preparado para proporcionar o sucesso da agricultura e pecuária, gerenciando os agronegócios, desde a produção até a comercialização dos produtos agrícolas.

INFRAESTRUTURA

LABORATÓRIOS

  • Análise e Processamento do Mel

O laboratório de Análise e Processamento do Mel oferece apoio as aulas práticas e atividades de extensão em análise de alimentos, tecnologia de produtos de origem animal, entomologia, silvicultura, olericultura, agricultura, zootecnia, sementes e microbiologia agrícola. O laboratório é credenciado ao Serviço de Inspeção Federal (S.I.F.) como entreposto para recebimento, análise e envasamento de mel para produtores da região. Oferece curso de extensão na área, desenvolve trabalhos de pesquisa e estágios aos alunos de graduação dos cursos de Agronomia e Ciências Biológicas. A partir de 2005 com a implantação do Curso de Especialização à Distância em Apicultura o laboratório passou a dar suporte as atividades dos alunos de pós-graduação de diferentes regiões do Brasil. Este Laboratório passará por um reforma e ampliação, além de aquisição de novos equipamentos para atender a APL do Mel, onde a microrregião de Taubaté passará a ter um APL (Arranjo Produtivo Local) do mel e derivados num convênio entre a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) e a UNITAU para o início das atividades do Observatório do Mel. Atualmente, este laboratório possui 353m2.

  • Análise de Alimentos e Controle de Qualidade

O Laboratório de Análise de Alimentos e Controle de Qualidade oferece apoio às aulas práticas das disciplinas de Fitopatologia, Fruticultura, Microbiologia Agrícola, Tecnologia de Sementes, Tecnologia de Produtos de Origem Animal e Vegetal, Olericultura e Apicultura. Proporciona possibilidade de estágios para aos alunos do curso de graduação em Agronomia. Desenvolve trabalhos de pesquisa na área de tecnologia pós-colheita, análise sensorial e processamento de alimentos. Possui uma área de 92,3 m2.

  • Avicultura, Suinocultura e Ovinocultura

A avicultura de postura está implantada na Fazenda Piloto, serve de apoio às aulas práticas de Zootecnia e Atividades Complementares de Vivência Agronômica. Os outros dois Centros estão sendo implantados para também serem utilizadas como áreas de desenvolvimento de pesquisa e de apoio às aulas práticas das disciplinas de Zootecnia, Tecnologia de Produtos de Origem animal, planejamento agropecuário e agroindustrial, melhoramento genético animal e nutrição e alimentação animal.

  • Centro de Estudos Apícola

O Centro de Estudos Apícola, está situado em área de 354 m2 e presta serviços de análises de mel, própolis, cera e derivados para apicultores em geral. Serve de apoio à disciplina de Apicultura e às outras disciplinas em atividades de ensino, pesquisa e extensão, oferece ainda curso de treinamento e aperfeiçoamento para a comunidade em geral e um Curso de Especialização à Distância em Apicultura para público com formação no ensino superior.

  • Centro de Estudos em Plantas Medicinais

Realiza trabalhos sobre identificação e classificação de plantas medicinais, elabora coleções e estuda a aplicação das plantas medicinais. Possui um viveiro e uma horta de plantas medicinais e condimentares, que servem de apoio para as atividades de extensão e aulas práticas de Anatomia e Morfologia Vegetal, Olericultura, Jardinocultura e Paisagismo e Cultivos de Plantas Medicinais e Aromáticas. O centro também oferece suporte para o desenvolvimento de pesquisas para os alunos de Agronomia e Ciências Biológicas e cursos de treinamento para a comunidade em geral.

  • Centro de Máquinas Agrícolas

Ele é utilizado no apoio às atividades de extensão e aulas práticas das disciplinas de Máquinas Agrícolas, Iniciação a Ciências Agrárias, Agricultura, Hidrologia e Manejo de Bacias Hidrográficas, Manejo e Conservação do Solo, Silvicultura e Manejo de Recursos Florestais, Topografia, Irrigação e Drenagem e Olericultura. Compõem o centro os Galpões de Tratores, Máquinas e Implementos Agrícolas, Sede da Fazenda (Administração), Almoxarifado, Oficina Mecânica, Sala de Manutenção (combustíveis), Sala de Peças e Motor que servem de apoio para as aulas práticas e desenvolvimento de pesquisas.

  • Ecotoxicidade em Águas

O Laboratório de Ecotoxicidade em Águas oferece apoio aos trabalhos de pesquisas desenvolvidos pelos alunos de graduação dos cursos de Agronomia, Ciências Biológicas, Engenharia Ambiental e Sanitária e também aos alunos de curso de Mestrado em Ciências Ambientais. Possui uma área de 25m2.

  • Entomologia

O Laboratório oferece apoio às atividades de extensão e aulas práticas das disciplinas de Entomologia Agrícola Fitopatologia, Microbiologia Agrícola, Fruticultura, Forragicultura, Zootecnia, Agricultura, Olericultura, Silvicultura e trabalhos de pesquisa voltados para o controle químico de pragas e as atividades de graduação, extensão e pesquisa para os alunos do Curso de Agronomia, Biologia e do Mestrado em Ciências Ambientais. Possui área de 96m2.

  • Fitopatologia e Microbiologia Agrícola

O Laboratório de Fitopatologia e Microbiologia Agrícola oferece apoio às atividades de extensão e aulas práticas de Fitopatologia, Microbiologia Agrícola, tratamentos de sementes, tecnologia de produtos de origem animal, tecnologia de produtos de origem vegetal, análise de alimentos, entomologia e fertilidade do solo. A estrutura do laboratório oferece apoio aos trabalhos de pesquisa voltados para o controle alternativo de doenças de plantas, controle de doenças pós-colheita, compostagem e tratamento de efluentes, desenvolvidos pelos alunos de graduação dos cursos de Agronomia, Ciências Biológicas e Engenharia Sanitária e Ambiental e pelos alunos de pós-graduação dos cursos de Especialização em Gerenciamento de Resíduos e do Mestrado em Ciências Ambientais. Fornece estágios para alunos desta e de outras instituições. Possui área de 192m2.

  • Geoprocessamento (LAGEO)

O Laboratório de Geoprocessamento oferece suporte às atividades de extensão e aulas práticas de Topografia, Hidrologia e Manejo de Bacias Hidrográficas, Manejo e Conservação do Solo, Sensoriamento Remoto, Geoprocessamento e Cartografia e Irrigação e Drenagem. Atende as atividades de extensão e de pesquisas dos alunos de graduação dos cursos de Agronomia, Ciências Biológicas, Engenharia Civil, Engenharia Ambiental e Sanitária e Geografia e também aos alunos de pós-graduação do Mestrado em Ciências Ambientais. Possui área de 120m2.

  • Laboratório de Bromatologia

Este laboratório, em fase de implantação, atenderá a APL do Leite, onde a microrregião de Taubaté passará a ter um APL (Arranjo Produtivo Local) de Leite e Derivados que reunirá 524 produtores de sete cidades num convênio entre a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) e a UNITAU para o início das atividades do Observatório do Leite. Serão adquiridos os equipamentos necessários para seu funcionamento e também será utilizado para aulas práticas e como apoio para os trabalhos de pesquisa e extensão nas áreas de nutrição e alimentação animal, manejo alimentar das criações nas suas diferentes fases produtivas, apoiar técnicos de campo em suas decisões, com base na composição química de alimentos utilizados na produção animal, apoiar o trabalhos de melhoramento, produção e manejo de forrageiras e pastagens.

  • Planta Piloto de Alimentos

A Planta Piloto é uma unidade industrial onde os alunos do curso de graduação em Agronomia observam as etapas dos processos de produção e beneficiamentos dos alimentos de origem vegetal e animal. Para atender a este objetivo a planta piloto ocupa uma área de 300 m2 e está divida em: sala para os professores; sala de reunião; almoxarifado; câmara frigorífica; área para o processamento de alimentos; laboratório para o controle de processo e banheiros masculino e feminino.

  • Posto Meteorológico

O Posto Meteorológico coleta diariamente, a mais de vinte anos, dados climáticos da região que são repassados ao Instituto Nacional de Meteorologia (InMet), a fim de compor a previsão do tempo. Atualmente este posto foi automatizado, os equipamentos foram renovados e os dados são enviados para o satélite que imediatamente os enviam para o centro de controle em Cachoeira Paulista-SP. O Posto Meteorológico serve de apoio aos alunos de graduação dos cursos de Agronomia, Engenharia Ambiental e Sanitária e Ciências Biológicas na realização de aulas práticas e pesquisa, bem como aos alunos do curso de Mestrado em Ciências Ambientais.

  • Processos Biológicos Aplicados ao Meio Ambiente

O Laboratório de Processos Biológicos Aplicados ao Meio Ambiente oferece apoio às aulas práticas das disciplinas de Biologia, Zoologia, Ecologia, Microbiologia Agrícola e hidrologia e manejo de bacias hidrográficas. Atende também as atividades de pesquisas desenvolvidas pelos alunos dos cursos de graduação em Agronomia, Ciências Biológicas, Engenharia Civil, Engenharia Ambiental e Sanitária e de Mestrado em Ciências Ambientais. Possui uma área de 96m2.

  • Solos e Nutrição Mineral de Plantas

O Laboratório de Solos e Nutrição Mineral de Plantas está integrado ao sistema de controle de qualidade do Instituto Agronômico de Campinas (IAC), oferece apoio às atividades de extensão e aulas práticas e experimentos realizados pelos professores do Departamento e alunos de graduação dos cursos de Ciências Biológicas e Engenharia Sanitária e Ambiental e também atende aos alunos de pós-graduação dos Cursos de Especialização em Gerenciamento de Resíduos e do Mestrado em Ciências Ambientais. Presta serviços à comunidade através de análises físicas e químicas de amostras de terra, fertilizantes e tecido vegetal, oferece estágio para alunos da UNITAU e de outras Instituições. Este Laboratório passará por um reforma e ampliação, além de aquisição de novos equipamentos para atender a APL do Leite, onde a microrregião de Taubaté passará a ter um APL (Arranjo Produtivo Local) de Leite e Derivados que reunirá 524 produtores de sete cidades num convênio entre a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) e a UNITAU para o início das atividades do Observatório do Leite. Atualmente este laboratório possui área física total de 308m2.

  • Tecnologia de Sementes

O Laboratório de Tecnologia de Sementes oferece apoio às atividades de extensão e aulas práticas de fitopatologia, microbiologia agrícola, análise de alimentos, fruticultura, agricultura, forragicultura, silvicultura, olericultura e entomologia e trabalhos de pesquisa voltados para análise e tecnologia de sementes. As atividades desenvolvidas no laboratório atendem as necessidades dos alunos de graduação dos cursos de Agronomia, Ciências Biológicas, bem como aos alunos de mestrado do curso de Pós-graduação em Ciências Ambientais. Este Laboratório passará por um reforma e ampliação, além de aquisição de novos equipamentos para atender a APL do Leite, onde a microrregião de Taubaté passará a ter um APL (Arranjo Produtivo Local) de Leite e Derivados que reunirá 524 produtores de sete cidades num convênio entre a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) e a UNITAU para o início das atividades do Observatório do Leite. Atualmente o laboratório possui área de 42 m2.

  • Tecnologia de Alimentos

O Laboratório de Tecnologia de Alimentos oferece apoio às aulas praticas de agricultura, fruticultura, olericultura, tecnologia de produtos de origem animal, tecnologia de produtos de origem vegetal e trabalhos de pesquisa na área de tecnologia pós-colheita, análise sensorial e processamento de alimentos aos alunos do curso de Agronomia. Possui área de 92,3m2.

  • Topografia

O Laboratório oferece suporte as aulas práticas das disciplinas de Topografia, Hidrologia e Manejo de Bacias Hidrográficas, Máquinas Agrícolas, Manejo e Conservação do Solo, Sensoriamento Remoto, Geoprocessamento e Cartografia e Irrigação e Drenagem. Possui área de 19m2. 

 

OUTRAS INSTALAÇÕES

  • Almoxarifado;
  • Área para Armazenar Combustível;
  • Armazém;
  • Biblioteca;
  •  Câmara Climática (Sementes);
  • Campo de Futebol e Quadra de Esportes;
  • Galpão de Máquinas;
  • Marcenaria e Serralheria;
  • Oficina Mecânica;
  • Sede da Fazenda (Administração);
  • Sala de Manutenção;
  • Sala de Peças e Motor;
  • Sala de Produtos Tóxicos.

 

FAZENDA PILOTO

A Fazenda Piloto possui 25 hectares de várzeas drenadas e 25 hectares de terras altas onde se cultiva: arroz, aveia, trigo, feijão, milho, girassol, café, palmito pupunha, frutas, hortaliças, eucalipto, plantas medicinais e condimentares. São desenvolvidas atividades nas áreas de apicultura, avicultura, minhocultura e administração rural, além da prestação de serviços à comunidade através dos Laboratórios: Solos e Nutrição de Plantas, Centro de Estudos Apícola, Microbiologia Agrícola e Fitopatologia, Entomologia, Tecnologia de Sementes, Topografia, Geoprocessamento, Ciências Ambientais e Ecotoxicidade em Águas, estes dois últimos ligados ao Curso de Pós-graduação em Ciências Ambientais. Possui um Posto Meteorológico que coleta diariamente informações climáticas que compõem a previsão do tempo no país, além de uma Biblioteca Setorial, um Viveiro de Mudas, Casa-de-Vegetação e os Centros de Estudos Apícola, de Plantas medicinais e de Máquinas e Implementos Agrícolas.

DISCIPLINAS

CORPO DOCENTE

ADRIANA MASCARETTE LABINAS
Titulação: Doutor
Área de Atuação: BIOGEOGRAFIA, METODOLOGIA CIENTÍFICA
Currículo Lattes

ALECSANDRA DE ALMEIDA
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - FRUTICULTURA E OLERICULTURA
Currículo Lattes

ALVARO ANDRADE DE REZENDE
Titulação: Mestre
Área de Atuação: ENGENHARIA CIVIL, CIÊNCIAS AGRÁRIAS,TOPOGRAFIA
Currículo Lattes

AMANDA FARIA QUERIDO
Titulação: Doutor
Área de Atuação: TECNOLOGIA DE ALIMENTOS - ORIGEM ANIMAL E VEGETAL
Currículo Lattes

ANA APARECIDA DA SILVA ALMEIDA
Titulação: Doutor
Área de Atuação: BIOLOGIA, FISIOLOGIA VEGETAL
Currículo Lattes

ANDERSON BARREIRA SALES
Titulação: Doutor
Área de Atuação: FÍSICA
Currículo Lattes

ANDRÉIA ALDA DE OLIVEIRA FERREIRA VALÉRIO
Titulação: Mestre
Área de Atuação: LÍNGUA INGLESA: LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO EXPOS/ARGUM,TRABALHO DE GRADUAÇÃO
Currículo Lattes

ANTONIO RICARDO MENDROT
Titulação: Especialista
Área de Atuação: Técnicas Computacionais, Business Intelligence
Currículo Lattes

ARMANDO ANTONIO MONTEIRO DE CASTRO
Titulação: Mestre
Área de Atuação: INSTITUTO BÁSICO DE CIÊNCIAS EXATAS
Currículo Lattes

CARLOS MOURE CICERO
Titulação: Mestre
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - MÁQUINAS AGRÍCOLAS E CONSTRUÇÕES RURAIS
Currículo Lattes

CELSO DE SOUZA CATELANI
Titulação: Mestre
Área de Atuação: CIÊNCIAS AMBIENTAIS - SENSORIAMENTO REMOTO, GEORREFERENCIAMENTO, CARTOGRAFIA,ATIVIDADE PEDAGÓGICA INTEGRADORA III, GEOMORFOLOGIA GERAL E DO BRASIL
Currículo Lattes

DRAUZIO ANTONIO REZENDE JUNIOR
Titulação: Mestre
Área de Atuação: ECONOMIA, ÉTICA E CONTABILIDADE, PLANEJAMENTO
Currículo Lattes

EDGAR ISRAEL
Titulação: Especialista
Área de Atuação: INFORMÁTICA
Currículo Lattes

GILBERTO FERNANDO FISCH
Titulação: Doutor
Área de Atuação: METEOROLOGIA, TRABALHO DE GRADUAÇÃO, GEOGRAFIA CULTURAL, INTRODUÇÃO A METEOROLOGIA
Currículo Lattes

JOÃO LUIZ GADIOLI
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - FERTILIDADE DE SOLOS
Currículo Lattes

JOSE MAURICIO BUENO COSTA
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - ZOOTECNIA DE PEQUENOS E GRANDES ANIMAIS
Currículo Lattes

JULIO CESAR RAPOSO DE ALMEIDA
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - SILVICULTURA, GEOLOGIA GERAL E DO BRASIL
Currículo Lattes

LIVIA DE SOUZA RIBEIRO
Titulação: Mestre
Área de Atuação: INSTITUTO BÁSICO DE CIÊNCIAS EXATAS
Currículo Lattes

Luciano Rodrigues Coelho
Titulação: Mestre
Área de Atuação: Fruticultura e Olericultura

MARCELO DOS SANTOS TARGA
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - IRRIGAÇÃO E DRENAGEM
Currículo Lattes

MARCO ANTONIO DE PAULA
Titulação: Mestre
Área de Atuação: ENGENHARIA MECANICA
Currículo Lattes

MARCOS ROBERTO FURLAN
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - PLANTAS MEDICINAIS E AROMÁTICAS E BIOQUÍMICA
Currículo Lattes

MAURO PEDRO PERES
Titulação: Doutor
Área de Atuação: INSTITUTO BÁSICO DE CIÊNCIAS EXATAS
Currículo Lattes

NARA LÚCIA PERONDI FORTES
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - FITOPATOLOGIA
Currículo Lattes

PAULO FORTES NETO
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - MICROBIOLOGIA VEGETAL, GESTÃO DE RESÍDUOS
Currículo Lattes

RICARDO MACHADO DA SILVA
Titulação: Doutor
Área de Atuação: CIÊNCIAS AGRÁRIAS - MELHORAMENTO VEGETAL
Currículo Lattes

DEPARTAMENTO

 

O Departamento de Ciências Agrárias, e seus 40 anos de história,tem formado profissionais com preocupação ética, espírito crítico e visão holística, dotados de consciência ecológica, econômica e social e comprometidos com o desenvolvimento sustentável.

O Departamento de Ciências Agrárias, com períodos de funcionamento de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h50 e das 13h às 17h, está estruturalmente instalado no campus das Ciências Agrárias da UNITAU, do qual, fazem parte salas de aulas destinadas às aulas teóricas, laboratórios, centros de estudos, e também a Fazenda Piloto de 65ha com 25 hectares de várzeas drenadas e 25 hectares de terras altas onde se cultiva: arroz, aveia, trigo, feijão, milho, girassol, café, palmito pupunha, frutas, hortaliças, eucalipto, plantas medicinais e condimentares.

A prestação de serviços à comunidade é realizada por meio dos Laboratórios: Solos e Nutrição de Plantas, Centro de Estudos Apícola, Microbiologia Agrícola e Fitopatologia, Entomologia Agrícola, Tecnologia de Sementes, Topografia, Geoprocessamento, Ciências Ambientais e Eco toxicidade em Águas (estes dois últimos ligados ao Curso de Mestrado (Acadêmico e Profissional) em Ciências Ambientais), Laboratório de Bromatologia, Laboratório de Higiene e Segurança Alimentar, a Estação Meteorológica que coleta, diariamente, informações climáticas da região, compondo, com seus dados, a previsão do tempo no país; a Biblioteca do Departamento de Ciências Agrárias que é Setorial, com acervo específico das áreas de conhecimento da Agronomia.

Outro ponto forte do Departamento está na Pesquisa e Pós-graduação, com a oferta de cursos de Especialização EAD em Apicultura e cursos de Mestrado Acadêmico e Mestrado Profissional em Ciências Ambientais.

Conheça os cursos oferecidos pelo Departamento:

AGRONOMIA

MEDiCINA VETERINÁRIA


Assista ao vídeo do Departamento 35 anos e saiba um pouco da sua história.


Diretor do Departamento:
Prof. Me. Carlos Moure Cícero

Endereço: Estrada Municipal Dr. José Luis Cembranelli, 5000, Fazenda Piloto, Itaim, Taubaté-SP CEP: 12081-010
Contato: (12) 3632-8956 / 3635-1718 
E-mail: agro@unitau.br

Horário de Atendimento
Secretaria: de segunda a sexta-feira, das 07h às 12h e das 13h às 17h
Biblioteca: de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h
Secretaria da Pós: de segunda a sexta-feira, das 07:30h às 12:30h e das 14h às 17h, e aos sábados das 08h às 12h

CONTATO