Aluna de Jornalismo da UNITAU é premiada por reportagem de jornalismo automotivo

18/12/2019

Integração, Jornalismo, Conhecimento, Eventos

A aluna Simone do Carmo Ramos, do 6º semestre de Jornalismo da Universidade de Taubaté (UNITAU) foi premiada com o terceiro lugar no Prêmio Estudantes de Jornalismo 2019, na categoria reportagem de rádio. A premiação é organizada pela agência AutoInforme Comunicação em parceria com a Hyundai Brasil.

Prêmio AutoInforme

A agência AutoInforme Comunicação em parceria com a Hyundai Brasil organiza a premiação anualmente. Nesta edição, o tema foi “Energia Limpas para Mobilidade” que poderia ser produzida em três categorias: reportagem de texto, reportagem de rádio e reportagem de vídeo. Para participar o estudante precisava produzir uma reportagem em um desses formatos e enviar para a análise de participação.

Nesta edição, o Júri teve presença de nomes renomados como Alberto Gaspar, jornalista da Rede Globo, Valmir Salaro, repórter do Fantástico, Celso Zucatelli, âncora da TV Record e Tião Oliveira, editor do Jornal do Carro.

Participação da UNITAU

Simone do Carmo Ramos ficou sabendo do prêmio em uma aula do Prof. Dr. Robson Bastos e não pensou duas vezes antes de participar. “Queria desenvolver minhas habilidades e ao mesmo tempo por em prática o que aprendi nas aulas de jornalismo”, conta.  A aluna produziu uma reportagem de rádio com o tema “As contribuições da Engenharia na mobilidade com energias renováveis”. “Realmente foi uma surpresa, jamais pensei em ficar entre os finalistas. Fiquei muito feliz de saber que eu tenho capacidade de ir muito mais longe do que eu possa imaginar”, expressa.

Além de Simone, o aluno Vinicius Ramos Assis, do segundo semestre do curso também participou e ficou entre os finalistas.

O estudante produziu uma reportagem em texto com o tema “Transportes eficazes e sustentabilidade é desafio para driblar o efeito estufa”. “Foi bem divertido a produção da matéria. Tive que pesquisar muitos dados que eu nunca tinha ouvido falar. Entrevistei uma moça da Suécia sobre o transporte público comparando com o do Brasil, esse momento foi muito interessante”, conta.

“Para mim é muito gratificante estar apenas no 2º semestre e já conseguir ficar entre os finalistas. Eu escrevi a reportagem sem pretensão alguma de buscar o prêmio ou chegar a final e ao ver meu nome entre os finalistas me fez pensar que estou no caminho certo e principalmente no curso certo também”, finaliza o estudante.

Raíssa Santos
ACOM/ UNITAU

Foto: Arquivo pessoal da aluna