UNITAU na Praça chega a Lagoinha e leva benefícios à população

13/04/2012

A Universidade de Taubaté (UNITAU) promoveu, na última quarta-feira, 11, a primeira edição do UNITAU na Praça itinerante. O projeto aconteceu no município de Lagoinha, na Praça Pedro Alves Ferreira. Alunos e professores dos cursos de Enfermagem, Nutrição, Agronomia, Educação Física e Odontologia ofereceram uma manhã repleta de atividades relacionadas à responsabilidade social e ambiental e a hábitos saudáveis. Nas práticas relacionadas à saúde, os estudantes realizaram avaliações de condicionamento físico, avaliações odontológicas com auxílio do Odontomóvel, conscientização sobre obesidade e alimentação saudável e realização de exames de glicemia capilar e pressão arterial. Para a dona de casa Maria Tereza Gonçalves, de 49 anos, foi uma ótima oportunidade de verificar sua saúde. "Há mais de dois anos que eu não fazia um exame de sangue. Como moro na área rural, fica difícil ir até um hospital ou marcar uma consulta no médico. Aqui foi rápido e eu já saí com o resultado na mão", disse. O projeto contou também com a presença do grupo Gavvis (Grupo de Atendimento às vítimas de violência sexual), que orientou a população sobre o trabalho realizado no auxílio às vítimas de abuso sexual. As ações do grupo compreendem o acompanhamento de assistentes sociais, a realização de exames médicos e também o apoio de advogados, tudo oferecido gratuitamente. Para os idosos e familiares, foram propostas atividades de orientação quanto aos cuidados com a terceira idade e quanto à importância do envelhecimento saudável. As ações foram desenvolvidas pelo PAIE (Programa de Atenção Integral ao Envelhecimento). O Projeto vai passar pelas cidades da região. Os municípios interessados em receber o "UNITAU na Praça" devem entrar em contato com a Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (PREX), pelo telefone 3625-4210. Ruan PavanettiACOM/ UNITAU

A Universidade de Taubaté (UNITAU) promoveu, na última quarta-feira, 11, a primeira edição do UNITAU na Praça itinerante. O projeto aconteceu no município de Lagoinha, na Praça Pedro Alves Ferreira.

Alunos e professores dos cursos de Enfermagem, Nutrição, Agronomia, Educação Física e Odontologia ofereceram uma manhã repleta de atividades relacionadas à responsabilidade social e ambiental e a hábitos saudáveis.

Nas práticas relacionadas à saúde, os estudantes realizaram avaliações de condicionamento físico, avaliações odontológicas com auxílio do Odontomóvel, conscientização sobre obesidade e alimentação saudável e realização de exames de glicemia capilar e pressão arterial.

Para a dona de casa Maria Tereza Gonçalves, de 49 anos, foi uma ótima oportunidade de verificar sua saúde. “Há mais de dois anos que eu não fazia um exame de sangue. Como moro na área rural, fica difícil ir até um hospital ou marcar uma consulta no médico. Aqui foi rápido e eu já saí com o resultado na mão”, disse.

O projeto contou também com a presença do grupo Gavvis (Grupo de Atendimento às vítimas de violência sexual), que orientou a população sobre o trabalho realizado no auxílio às vítimas de abuso sexual. As ações do grupo compreendem o acompanhamento de assistentes sociais, a realização de exames médicos e também o apoio de advogados, tudo oferecido gratuitamente.

Para os idosos e familiares, foram propostas atividades de orientação quanto aos cuidados com a terceira idade e quanto à importância do envelhecimento saudável. As ações foram desenvolvidas pelo PAIE (Programa de Atenção Integral ao Envelhecimento).

O Projeto vai passar pelas cidades da região. Os municípios interessados em receber o “UNITAU na Praça” devem entrar em contato com a Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (PREX), pelo telefone 3625-4210.

Ruan Pavanetti
ACOM/ UNITAU