Uma das iniciativas de promover saúde e educação é por meio da participação no projeto Rondon (Foto: Participantes Projeto Rondon 2023)

Saúde para todos: UNITAU oferece diversas ações para comunidade

Link curto: https://unitau.me/3xvWSFw

10/04/2024 08h49 ⋅ Atualizada em 10/04/2024 08h57

Bem-estar, Saúde, UNITAU

 

No início desta semana, foi comemorado o Dia Mundial da Saúde. A data foi criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1948, e é uma oportunidade para conscientizar a população, criar políticas para promover o bem-estar populacional e debater sobre esse tema que impacta na vida de milhares de pessoas. 

Segundo pesquisa do ano de 2022 realizada pelo Instituto de Estudos para Políticas de Saúde (IEPS), 34% da população brasileira não tem acesso à atenção básica de saúde. O que torna o “Minha saúde, meu direito”, tema do dia Mundial da Saúde de 2024, de extrema importância, e tem como objetivo defender que todas as pessoas, de todos os lugares, tenham acesso à saúde.

Diante deste cenário e motivada pelo Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 3 proposto pela Organização das Nações Unidas (ONU), que prevê o acesso à saúde de qualidade para todos, a Universidade de Taubaté (UNITAU) promove diversas ações em prol da saúde para as comunidades acadêmica e externa. Um destes exemplos é o Projeto Rondon, cujo objetivo é promover um intercâmbio de saberes entre os universitários e comunidades do interior do país, com ações de cidadania nos eixos de saúde, educação, lazer, bem-estar e comunicação. 

A universitária do 9° semestre de Medicina, Lara Cordeiro de Faria, conta que apesar dos desafios, participar do Projeto Rondon foi uma experiência transformadora. “Conhecer uma comunidade, sua cultura, os problemas e as soluções, fizeram com que a gente tivesse vontade de passar um ano inteiro lá! A troca de experiências, a vivência da cultura local, a recepção que tivemos, fizeram com que eu tivesse a certeza de que faria isso para o resto da vida”. Lara realizou uma palestra sobre câncer de mama, para as comunidades de Alto Alegre dos Parecis, em Rondônia, berço do Projeto Rondon. 

Saúde à Beira Mar levou informação e distribuição de protetor solar para os banhistas, em Caraguá
(Foto: Alunos de Medicina UNITAU - campus Caraguá)

Além do Rondon, a UNITAU realizou diversas campanhas de promoção à saúde, como a ação “Saúde à Beira Mar”, onde os alunos do curso de Medicina do campus de Caraguatatuba, foram às praias conscientizar a população sobre o câncer de pele, a participação na Semana do Sono 2024 e a campanha “UNITAU na luta contra a dengue”.

A Profa. Dra. Wendry Maria Paixão Pereira do curso de Fisioterapia, que também esteve presente no Projeto Rondon explica que as ações realizadas pela Universidade, são medidas antecipatórias para reduzir os impactos e eventuais problemas para manter a qualidade de vida. “As atividades realizadas pelos alunos e professores, principalmente os projetos de extensão da área de saúde, beneficiam diretamente a população local. Pois, são projetos executados mediante a necessidade da comunidade, com intuito de promover saúde [...] o que torna  estas ações extremamente importantes para a comunidade, bem como para os alunos”.

Amanda Ávila
ACOM/UNITAU