Feira de Oportunidades pauta diversidade e inclusão no mercado de trabalho

05/05/2022

UNITAU, Inclusão, diversidade, Mercado de trabalho, Feira de Oportunidades

A edição de 2022 da Feira de Oportunidades da Universidade de Taubaté (UNITAU) abordou o tema “Diversidade e inclusão nas empresas: o que esperar para o futuro?”. O evento aconteceu de forma híbrida nos dias 26 e 27 de abril: remoto na parte da manhã e presencial na parte da noite, no campus da JUTA.

A feira é sempre aberta ao público e tem o propósito de oferecer à comunidade um ambiente de troca de conhecimentos sobre carreira, de práticas profissionais, de mercado de trabalho e de empregabilidade por meio de palestras, de rodas de conversa e de oficinas. Neste ano, o tema escolhido provocou reflexões sobre a importância da representatividade e da diversidade no mercado de trabalho.

O Prof. Me. Paulo Sergio dos Santos, diretor do Departamento de Engenharia Civil da UNITAU, foi mediador de uma mesa redonda que abordou a diversidade de raça e de gênero no ambiente de trabalho. O professor reforça que é importante ter uma equipe com diferentes formações, gêneros, raças, experiências e visões de mundo. “A riqueza, principalmente de ideias e de percepções, abre portas para várias possibilidades na solução de problemas e de condução de tarefas”, comenta.

Para promover a diversidade, é necessário construir um ambiente plural no local de trabalho, incluindo ações para o desenvolvimento da sociedade. “Precisamos mitigar o machismo, o racismo, a homofobia e todo sentimento contrário ao desenvolvimento e ao respeito ao outro ser. Precisamos nos colocar no lugar desta outra pessoa”, pontua o professor.

Isabela Mendes, aluna do curso de Design Gráfico da UNITAU, participou do evento e mostra como é pertinente discutir sobre representatividade nos mais variados aspectos sociais. “A pessoa se sente mais confiante ao ver outras pessoas como ela subindo na carreira”, comenta a estudante.

Para exemplificar, Isabela compartilha sua própria experiência ao entrar na Universidade. Ela não imaginava que encontraria tantas mulheres no seu curso, mas ela se surpreendeu. “Quando eu entrei, me senti muito mais confiante por ver mais mulheres comigo”, declara. A estudante enxerga de maneira positiva essa mudança. “Agora estamos conseguindo ter mais representatividade, as pessoas vão conseguir se espelhar em quem conseguiu ultrapassar essas barreiras primeiro e ver que também conseguem, diversificando cada vez mais o mercado”, comemora.

Com o objetivo de manter o profissional atualizado, as palestras projetaram um panorama sobre o cenário atual das empresas. Por esse motivo, a palestrante Vanessa Nassif, psicóloga convidada, expôs que a diversidade é um assunto comum no mercado e elogia a Universidade por promover um evento que aborda temas atuais, que ajudam o aluno a se preparar para o futuro profissional.

Ter pessoas diversas no ambiente de trabalho demonstra que a empresa está evoluindo no mesmo ritmo da sociedade. E, segundo o Prof. Paulo, a escolha do tema pela UNITAU mostra que “a Universidade já identificou há tempos a importância de trabalharmos a diversidade e a inclusão em nossa Instituição”.

Mariana Capibaribe

ACOM/UNITAU