Unitau promove mutirão oftalmológico na zona rural de Taubaté

19/01/2022

Comunidade, Ajuda, Extensão, Aluno, UNITAU

Professores, alunos do curso de Medicina da Universidade de Taubaté (UNITAU) e residentes participam, nos dias 19, 22 e 26 de janeiro, de um mutirão oftalmológico voltado a adultos e crianças da zona rural do município atendidos pelo projeto social Hapet. A atividade tem o apoio da Liga Acadêmica de Oftalmologia da UNITAU e das unidades do Lions Club de Taubaté e de São José dos Campos.

Ao todo, serão atendidos 12 adultos e 58 crianças vinculados ao projeto e que apresentam algum tipo de dificuldade visual.

 “Fomos acionados por um dos membros que presta auxílio para a ONG Hapet. Eles observaram que as crianças tinham alguma dificuldade e fizeram uma triagem visual. Nosso atendimento será voltado aos pais e crianças alfabetizadas a partir dos seis anos”, afirma a Profa. Dra. Wilma Lelis Barboza Lorenzo Acácio, do Departamento de Medicina da UNITAU.

Segundo a professora, a equipe é composta por quatro médicos, dois alunos do 11º período de Medicina e três alunos da Liga de Oftalmologia. A equipe conta com o suporte da van oftalmológica do Lions. “Para fazer esse exame itinerante, a gente conta com a van oftalmológica montada pelo Lions de Taubaté. Já fizemos em ocasiões anteriores exames em diversos locais da cidade como asilos e em um presídio. Após o período mais crítico da pandemia, retomamos esse projeto”.

Empresas vão colaborar com a doação de armações de óculos e lentes para as pessoas que precisarem. “Para aqueles que tiverem necessidade, os óculos serão doados pela Chilli Beans e a Essilor vai doar as lentes”, complementa a professora.

Para a médica oftalmologista, a ação social reforça a prática extensionista da UNITAU e permite aos alunos aplicar os conhecimentos adquiridos na sala de aula.

“É o projeto dos sonhos. A gente sempre quer levar a nossa parte acadêmica, aliando à prática para que tenha um benefício à população que está ao nosso redor. Particularmente na medicina estamos buscando sempre isso, todos os nossos cenários acontecem em ambientes onde auxiliamos a população. Temos atividades nos hospitais, na policlínica da prefeitura, em vários locais”.

ACOM/UNITAU