Acidentes com animais marinhos viram tema de discussão de aula aberta na UNITAU

12/11/2021

Projeto de Extensão, Ligas acadêmicas, Acontece, Evento, Medicina, Biologia, Animais marinhos, UNITAU

A Liga Acadêmica de Infectologia do curso de Medicina da Universidade de Taubaté (UNITAU), em parceria com o projeto de extensão “Controle ambiental de dengue e acidentes escorpiônicos”, promovem, em 17 de novembro (quarta-feira), às 19h, uma aula aberta sobre acidentes com animais marinhos. A discussão será transmitida ao vivo pelo canal da liga, e os participantes poderão enviar perguntas e interagir pelo chat.

O estudo foi idealizado após o caso de um "ataque" de um tubarão, no último dia 3, em Ubatuba, no litoral norte paulista. De acordo com o Instituto Argonauta, foi o primeiro acidente do tipo registrado em 30 anos. O caso ganhou repercussão nacional e internacional após um turista francês ter sido mordido pelo peixe na praia do Lamberto.

“Quando houve esse episódio, a professora Francine Coelho, que dá aula no curso de Medicina e no de Ciências Biológicas, sugeriu de a gente abordar sobre isso. Então, decidimos fazer essa aula para conseguir orientar melhor a população”, relata a presidente da Liga de Infectologia, Beatriz Camargo Gazzi. A estudante do curso de Medicina ainda comenta que o objetivo das ligas é o de levar o conhecimento qualificado para a sociedade. “Um dos pilares da Liga é a extensão, que é atender a comunidade ao redor. Então, observamos as demandas locais e elaboramos as ações. Esperamos conseguir sanar as dúvidas de todos”.

Para esclarecer o assunto, a organização convidou o Professor Doutor em Ciências Biológicas, Valter José Cobo. O docente da UNITAU, que tem experiência em zoologia dos invertebrados, biologia marinha e biologia de crustáceos decápodes, comenta que irá discutir incidentes como esse e trazer curiosidades sobre o tema. “Há três casos bem interessantes para comentarmos. Um, que já é um clássico, que são os de Recife, esses de Ubatuba e os que foram avistados em Santa Catarina”, pontua.

A Profa. Dra. Maria Stella Amorim da Costa Zöllner, coordenadora da Liga Acadêmica e do projeto de extensão comenta que a aula é uma sequência das ações que são realizadas pelos dois projetos e que as expectativas são muito boas com a participação de todos.

Para participar, basta acessar o canal do Projeto de Extensão no youtube. Não é necessário se inscrever.

Foto: Bianca Guimarães

ACOM/UNITAU