Cursos de licenciatura da UNITAU promovem reflexão sobre novas diretrizes curriculares

30/07/2021

Pedagogia, Educação, Graduação, EAD, Docência, UNITAU, Professor, Aluno, Acontece

Com o objetivo de ampliar os conhecimentos sobre a educação no Brasil e no mundo, e fortalecer o currículo acadêmico, os cursos de licenciatura da Universidade de Taubaté (UNITAU) iniciaram o projeto “Licenciaturas em ação: construindo saberes”. O primeiro encontro online, realizado em maio de 2021, contou com a participação da egressa do Mestrado em Educação, Profa. Ma. Stefânia Andrade, que abordou sobre metodologias criativas em sala de aula, desenvolvendo o tema “Criatividade mágica na Educação, Harry Potter como instrumento de ensino”.

“Criamos essa proposta de trazer ações como rodas de conversa, palestras e eventos para integrar todos os cursos de formação de professores, promovendo a multidisciplinariedade. O conhecimento é um só, então, fazendo isso, a gente promove mais integração entre alunos, professores e comunidade”, relata a Diretora do Departamento de Pedagogia, Profa. Dra. Maria Teresa de Moura Ribeiro.

Para marcar o início do segundo semestre, dois novos eventos estão marcados para acontecer, também no formato online. O primeiro deles, que ocorre no dia 2 (segunda-feira), às 17h, traz a Profa. Doutora em Educação, Marcia de Souza Hobold, que irá tratar das “Diretrizes curriculares para formação de professores: avanços ou retrocessos no curso de Pedagogia”.

Para a Profa. Dra. Ana Maria Gimenes Corrêa Calil, coordenadora do Mestrado em Educação da UNITAU e mediadora da roda de conversa interinstitucional, “O futuro da Pedagogia e demais licenciaturas está incerto por consequência das mudanças que vêm ocorrendo nas Resoluções e Diretrizes da formação de professores tanto inicial quanto continuada”, diz.

Ela ainda comenta que a discussão é extremamente necessária na Universidade, visto que essas normas impactam diretamente na vida dos futuros docentes e de seus tutores. “A Resolução CNE/CP nº 2/2015 estava em processo de implementação no país. Entretanto, em 2019, o Conselho Nacional de Educação (CNE) revogou essa Resolução e promulgou novas Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial de professores, para a educação básica, e instituiu a Base Nacional Comum, para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica (BNC-Formação) (Res. CNE/CP nº 2/2019), de caráter técnico-instrumental, desconsiderando a historicidade das entidades formativas, bem como a produção do conhecimento na área. Outro fato refere-se à revisão das DCN de Pedagogia (Resolução CNE/CP nº 1/2006) pelo CNE, com vistas a alterar profundamente a estrutura, a concepção, o caráter e o conteúdo da formação oferecida por esses cursos”, pontua a professora.

Outro encontro agendado para docentes, alunos e comunidade será realizado na quinta-feira (11). O pesquisador e escritor Prof. Dr. Jason Ferreira Mapfra irá promover uma reflexão sobre Paulo Freire, filósofo considerado um dos pensadores mais notáveis da história da pedagogia mundial, que comemoraria seu centésimo aniversário em setembro de 2021. O “Centenário de Paulo Freire e a atualidade do seu legado”, acontece às 19h, pela plataforma zoom.

“Estamos vivendo em tempos em que se nega as obras de Paulo Freire. O professor Jason vem para trazer a importância do legado dele, discutindo a educação como um ato de conscientização. Esse olhar é extremamente importante para quem trabalha com a área. São professores de outras instituições vindo contribuir também com a nossa formação. Isso é muito bacana”, comenta a mediadora do evento, Professora Maria Teresa.

UNITAU, a Universidade do futuro!

ACOM/UNITAU