Disciplina "Medicina e Espiritualidade" vira livro

11/06/2021

Acontece, Livro, Evento on-line, Medicina, UNITAU

A Universidade de Taubaté (UNITAU) celebra neste sábado, dia 12 de junho, os 10 anos da disciplina “Medicina e Espiritualidade” com o lançamento virtual do primeiro livro dedicado ao tema.

A live está prevista para as 9h, será transmitida pela TV UNITAU no Youtube e pode ser acompanhada por este link.

O ebook “Medicina e Espiritualidade baseada em evidências” tem autoria do Prof. Dr. André Luis Ferreira Santos, Prof. Dr. Cesar Augusto Cardoso e  Prof. Me. Alexandre Serafim.

“Ficamos surpresos como esse assunto está ganhando cada vez mais destaque nas faculdades e entre os alunos de Medicina do Brasil. Começamos, há quase 11 anos, trazendo informações estruturadas, com a valorização da vida, daquilo que é sagrado para você”, afirma o Prof. Me. Alexandre Serafim, coordenador da disciplina.

Em 2011, os alunos do Departamento de Medicina da UNITAU tiveram o primeiro contato com as aulas que buscavam agregar o entendimento das questões espirituais à saúde de uma forma integral. A disciplina, que era optativa, passou a incorporar, em 2016, a grade curricular do curso.

“O sentimento maior que move qualquer médico é o de fazer o melhor pelo seu paciente. Também temos, hoje, uma questão paliativa crescente. Se a cura não é possível, precisamos gerar conforto, melhorar a qualidade de vida. Percebemos que um maior equilíbrio na espiritualidade ajuda a fortalecer o relacionamento entre médico e paciente e a aderência ao tratamento”.

Com a proposta de formar alunos com uma nova mentalidade e um olhar humanizado sobre essa relação, o Prof. Alexandre Serafim comenta que o próximo desafio é o de fortalecer a introdução das práticas hospitalares. “Temos, hoje, em todo Brasil ligas acadêmicas, congressos sobre Medicina e Espiritualidade. Aqui na Universidade, montamos um núcleo de pesquisa que já conta com cinco trabalhos. Para o ano que vem, deveremos criar o primeiro ambulatório de saúde, espiritualidade e terapias complementares”.

Sobre o livro, o coordenador reforça a participação de profissionais de diferentes áreas da saúde em seus 21 capítulos, que contribuíram com uma visão interdisciplinar. Todos os colaboradores cederam seus direitos. Os direitos autorais das vendas foram doados para a organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras.

ACOM/UNITAU