Oficinas estimulam produção de pesquisas

05/05/2021

Oficinas, Pesquisa Científica, Oportunidade, Carreira, UNITAU

A Pró-reitoria de pesquisa e pós-graduação (PRPPG) da Universidade de Taubaté (UNITAU) promove, a partir desta quarta-feira, dia 5 de maio, uma série de quatro oficinas relacionadas a metodologias de pesquisa. As oficinas têm o objetivo de despertar o interesse dos alunos para uma boa elaboração de projetos de iniciação científica e incentivar a produção de pesquisas de qualidade.

A Profa. Dra. Lais Silva Concilio, coordenadora-adjunta da Pós-graduação em Odontologia da UNITAU, é a palestrante da primeira oficina. Ela vai abordar os seguintes temas: quais são os principais tipos de estudos e para que servem, pirâmide de evidências e partes constituintes de um projeto de pesquisa.

 “Um bom pesquisador é um bom analisador, é curioso, criativo, se interessa em solucionar questões e tem olhar crítico. Quando o aluno se envolve na pesquisa, ele desenvolve as características de um bom pesquisador”, afirma a palestrante.

A pesquisadora avalia que o envolvimento dos estudantes em atividades de iniciação científica é um importante diferencial para o mercado de trabalho. “No mercado de trabalho, esse aprendizado faz muita diferença. Além dos atributos desenvolvidos na graduação, o estudante se torna alguém interessado por poder levar o que desenvolveu nas pesquisas para o ambiente do trabalho”.

A bolsista de doutorado em odontologia Isabelle Schalch de Oliveira Campos é um exemplo do potencial de ascensão na carreira de um pesquisador. Ela integra o grupo da UNITAU que desenvolve um trabalho em parceria com o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) para pesquisar a contaminação de ambientes clínicos pelo SARS-CoV-2, causador da pandemia de covid-19.

“Eu costumo sempre participar das oficinas porque elas são uma grande formação complementar, além de serem ministradas por excelentes professores. Fico entusiasmada com os temas das oficinas, que sempre nos trazem informações ricas e precisas. E eu, como uma aluna de doutorado, preciso estar nesse constante aprimoramento e atualização”.

Para saber mais informações e se inscrever para esta e outras oficinas oferecidas pela PRPPG, os interessados podem acessar este link.

Linda Uberti
ACOM/UNITAU