Programa UNITAU Digital ganha reforço com venda de Campus de Ubatuba

12/04/2021

UNITAU, ACONTECE, DESTAQUE, Inovação, Reitoria, Tecnologia

A Universidade de Taubaté (UNITAU) reforça, em 2021, seu programa de investimentos com prioridade para a modernização tecnológica por meio da aquisição de novos sistemas e equipamentos. Esse planejamento foi viabilizado após a venda do Campus de Ubatuba em março deste ano por R$ 8,6 milhões.

Conforme determina a legislação, os valores obtidos com a venda do imóvel devem ser, obrigatoriamente, aplicados em investimentos na Universidade.

Uma comissão ficará responsável por todo o planejamento para a implantação de sistemas e de metodologias destinados ao programa UNITAU Digital. Para garantir maior transparência a todos os procedimentos, serão encaminhados regularmente relatórios para o Conselho de Administração (Consad) e para o Conselho Universitário (Consuni).

Uma das primeiras aquisições previstas é um sistema VoIP (Voz sobre protocolo de internet), que permitirá maior eficiência à comunicação interna entre os diversos setores da Universidade. Outros investimentos estão relacionados à compra de notebooks, redes e infraestrutura tecnológica que permitam ambientes conectados.

O programa de investimentos da UNITAU também prevê novos equipamentos para a atualização dos laboratórios nas áreas de Biociências, Ciências Exatas e Ciências Humanas.

“Desde o início de nossa gestão, em julho de 2018, foram mais de R$ 7 milhões em investimentos. Somente no ano passado, sob os efeitos da pandemia, conseguimos investir R$ 2,3 milhões em nossa universidade. Nossos esforços estão concentrados em um propósito: tecnologia. Precisamos investir em sistemas inteligentes, aplicativos, equipamentos tecnológicos como os de transmissão e melhoria dos sistemas de wifi. A pandemia está nos ensinando muitas coisas e uma delas é que, sem tecnologia, não poderemos avançar. Por isso, estamos levantando recursos”, afirma a reitora da UNITAU, Profa. Dra. Nara Lucia Perondi Fortes.

Existem, atualmente, mais três prédios com potencial de venda (um em Ubatuba e dois em Taubaté) e que representam um reforço de caixa para a UNITAU em torno de R$ 20,3 milhões. O projeto de alienação de um desses imóveis segue em análise na Prefeitura de Taubaté. Outros dois projetos estão em tramitação no Legislativo Municipal.

A Reitora destaca que o cronograma de investimentos terá continuidade, à medida que for concluída a venda desses outros imóveis. “Temos outros projetos importantes de alienação de imóveis que estão em tramitação na Câmara de Taubaté. Contamos com o apoio dos vereadores para a aprovação desses projetos e para que possamos colocar em prática essas ações”.

 

ACOM/UNITAU