Alunos da UNITAU apresentam trabalhos científicos em III Mostra de Nutrição Clínica Hospitalar

21/12/2020

Tratamento de doenças, Terapia Nutricional, Nutrição, Pesquisa Científica, Trabalhos Científicos, Extensão, UNITAU, Nutrição Clínica Hospitalar

Na última segunda-feira (14), a Universidade de Taubaté (UNITAU) realizou a III Mostra de Trabalhos Científicos em nutrição clínica hospitalar. Por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus, a edição ocorreu totalmente online, e os 22 trabalhos inscritos foram realizados e apresentados com a mesma qualidade das edições anteriores (presenciais). Os trabalhos foram disponibilizados na plataforma google drive e as apresentações audiovisuais ocorreram no mesmo ambiente.

Os trabalhos inscritos abrangeram diversos assuntos pertinentes e, entre eles, temas atuais, como “Relato de caso clínico: Paciente hospitalizada com síndrome respiratória grave por COVID-19”, “Insuficiência respiratória aguda associada a múltiplas comorbidades”, “Análise da adequação da aceitação alimentar e a relação do estado nutricional de pacientes com diagnóstico de pneumonia”, “Aceitação alimentar de pacientes hospitalizados com diagnóstico de HIV em fase sintomática”, “Estado nutricional de idosos hospitalizados”, entre outros.

Ao final do evento, todos puderam avaliar os trabalhos, e a pesquisa nomeada “Análise da gordura corporal subcutânea superior elevada e risco cardiovascular em pacientes hospitalizados com diagnóstico de acidente vascular encefálico” obteve mais de 50% de aprovação. 

A integrante do grupo vencedor, Gessimara Martins de Paiva Ribeiro, aluna do 8º semestre do curso de Nutrição, comenta a importância de realizar uma pesquisa científica ainda na graduação. “Realizar essa pesquisa foi uma experiência muito importante para mim, porque acredito muito no potencial das pesquisas científicas. Por ser incentivada a realizá-las desde a graduação, fez com que hoje eu me sinta mais preparada para continuar realizando pesquisas”, conta a aluna.

“Na minha opinião, o ponto mais interessante desse projeto foi visualizar o quão importante é a análise dessa medida nos pacientes hospitalizados, pois, no caso do nosso trabalho, a maioria dos pacientes com quadro de AVE (Acidente Vascular Encefálico) apresentavam a gordura subcutânea superior elevada, então eles já apresentavam o risco de adquirir doença cardiovascular. Além disso, outro ponto interessante é que os homens com quadro de AVE, comparado as mulheres, apresentam em sua maioria a circunferência do pescoço elevada, ou seja, eles apresentam um risco maior de desenvolverem doenças cardiovasculares em comparação as mulheres”, explica a aluna Vitória Maciel Rocha, também integrante do grupo vencedor.

Para a Profa. Dra. Roberta de Lucena Ferretti, organizadora do evento, a Mostra foi oportuna e de grande troca de experiências.“Eu orientei todos os trabalhos e achei todos extremamente relevantes. É muito importantedar aos alunos, ainda na graduação e aos alunos da extensão, a oportunidade de desenvolver um trabalho científico nessa área, além da troca de experiências e, ainda, da divulgação da importância da terapia nutricional para o tratamento de doenças”, ressalta.

O ensino nos une, não importa a distância.

Bianca Guimarães
ACOM/UNITAU