Empreendedores devem se adaptar aos tempos de pandemia

14/05/2020

Empreendedorismo, UNITAU, Aluno, Professor, Coronavírus, Quarentena, #FestivalVirtual, Negócios

Negócios observam em seus faturamentos as consequências da pandemia e mercados exigem mudança de comportamento dos empreendedores.

No dia 14 de abril, o Festival UNITAU Digital, que acontece no Instagram da Universidade de Taubaté, recebeu a participação da Profa. Ma. Romária Silva, do Departamento de Gestão e Negócios (GEN), que falou sobre Comportamento Empreendedor em época de pandemia e de quarentena.

Segundo a professora, o empreendedor deve ter calma nesse momento para conseguir definir as ações a serem tomadas, para garantir que o seu negócio consiga superar essa crise a partir de oportunidades que ninguém mais vê e se reestabelecer quando a situação normalizar. “O empreendedor é uma pessoa com muita vontade, empatia, persuasão, quando precisa, e que quebra o padrão do ecossistema no qual está inserido. E, neste momento, o que o empreendedor precisa fazer é marketing, precisa oferecer o produto certo ou antecipar a necessidade do mercado em que está inserido”.

Algumas dicas para os negócios neste momento, segundo Romária:

  • Realinhar todas as ideias para o seu empreendimento;

  • Desenvolver um planejamento de ações, levando em consideração a qualidade, a eficiência do serviço e a gestão do fluxo de caixa;

  • Estreitar a comunicação com o cliente, construindo um relacionamento com ele;

  • Realizar cursos para melhorar habilidades de negócios e aprimorar as ferramentas que utiliza para poder oferecer os melhores serviços e produtos para o cliente.

A Professora enfatiza, ainda, que o empreendedor precisa determinar alguns comportamentos para conseguir estruturar o seu negócio, como, por exemplo, ouvir o consumidor, estabelecer metas alcançáveis, monitorar a sua atuação, calcular os riscos que pode etc. Ela aponta, ainda, que o impacto do network, neste momento, “está na hora de buscar contatos de pessoas que podem auxiliar e instituições com as quais se pode fechar parceria. Agora não é o momento de disputa de mercado, é momento de integração.”

Romária finalizou a live destacando a necessidade de olhar para os problemas que o empreendimento já tinha antes da pandemia e que prejudicava a decisão do consumidor e se preparar para as novas demandas e comportamentos do mercado, que vão sofrer muitas alterações. “Agora é hora de concentrar-se para o que está acontecendo com a sua empresa e remodelá-la para, quando a retomada vier, estar preparado para um novo cenário de mercado. Para aqueles que ainda não desenvolveram um plano de negócio e que, hoje, têm uma demanda atípica, o ideal é alinhar as ideias e construir um planejamento, o quanto antes.”

 

Ana Carolina Garcia

ACOM/UNITAU