Finanças pessoais: como se organizar para conquistar objetivos

14/05/2020

Quarentena, Coronavírus, Somos UNITAU, JUTA, objetivo, Dicas, Finanças pessoais, Dinheiro, Servidor, Professor, Aluno, #FestivalVirtual

No dia 21 de abril, o Instagram da UNITAU recebeu os alunos do JUTA Gabriel Madona e Maurício Eid, que falaram sobre finanças pessoais e deram dicas e orientações de como organizá-las para cada um ter um melhor controle sobre o seu dinheiro.

“É muito importante pensar, de agora em diante, que planejar o seu futuro é o primeiro passo para você ter uma vida tranquila, conseguir pagar as suas contas, ter conforto, lazer e conseguir guardar para o eu futuro”, disse Gabriel.

Os alunos iniciaram a live enfatizando a importância de definir para o que se quer usar o dinheiro, pois, quando se definem metas a curto ou longo prazo, você cria um estímulo para conseguir economizar uma porcentagem do seu dinheiro e, assim, consegue atingir o seu objetivo.

Gabriel e Maurício apresentaram os seguintes passos para conseguir organizar as suas finanças:

  • Consciência: fazer perguntas a você mesmo sobre qual a sua relação com o dinheiro, criar a consciência de como é gasto aquilo que você recebe e quais são as suas necessidades;
  • Diagnóstico: visualizar para onde vai todo o dinheiro que se recebe. Essa parte pode ser feita, contabilizando-se o extrato de conta no banco, assim você consegue definir categorias de gastos (com a Universidade, com a alimentação etc.);

  • Método: para esse passo, os alunos explicam um método que consiste em separar todas as entradas de dinheiro em:

     50%: essenciais, como o aluguel, contas de água e energia, mercado, a Universidade etc.;

     30%: podem ser destinados para atividades de lazer, como comer fora de casa sem necessidade;

     20%: reserva e investimentos para alcançar os objetivos definidos.

Ao final da live, os alunos enfatizam a importância de entender que a educação financeira para controle de gastos pessoais não significa, necessariamente, cortar todos os gastos de lazer ou supérfluos, mas saber como substituí-los por opções mais econômicas.Entendendo que, muitas vezes, é um pequeno valor que se gasta todo dia que deve ser economizado, pois ele seria o suficiente para realizar seu sonho.

 

Ana Carolina Garcia

ACOM/UNITAU